Tema – Prosperidade

Postado em Categoria: Arte e Flores, Pinturas

O status das plantas e flores exóticas iniciou-se no renascimento com os melões e as laranjas, porém, para os Victorianos eram as orquídeas e abacaxis, embora nenhuma planta foi tão associada a riqueza e nobreza como as tulipas. Quando a Holanda emergiu como uma grande nação após décadas de guerra e perseguisões religiosas, os mercantes aventureiros holandeses encurralaram os mercados da Ásia e da América do Norte, gastando na arte e artefatos decorados com tulipas.
Ambrosius Bosschaert, pai fundador da pintura holandesa com flores, adquiriu bons valores pelos seus trabalhos, mas vasos pintados com tulipas custavam dez vezes mais. Anos depois, os girassóis passaram a ser muito populares e inclusos no movimento estético “arte pela arte”

A Girl Seated Outside a House -(Menina sentada no lado de fora da casa) 1867 32.7 x 20.9 cm oil on mahogany


A menina na pintura está sentando-se no degrau de uma casa, com uma vista do Montigny-sur-Loing no fundo. Embora a menina esteja vestida com roupas lisas, pobre na época, segura em suas mãos seu chapéu com flores brilhantes. Os girassóis, nesta pintura parecem ser um emblema da esperança, o desejo de um futuro mais brilhante.
—————————————————–
Self-portrait with a Sunflower (Auto retrato, com girassóis) 1633 58.4 x 73 cm oil on canvas


O girassol gira para o sol, na pintura, o sol aponta para Anthony Van Dyck, o próprio autor da pintura aponta para a flor em seu estado mais sublime.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *